Sexta-Feira, 17 de setembro de 2021

Jorge Solé lança álbum de gravuras; prefácio é de Marcelo Martins

Publicado em 23/07/2021. http://jornalterral.com.br/t-zw3

O álbum de gravuras Bebop Jazz tem temática cheia de cores e sutilezas

O artista plástico Jorge Solé está lançando mais um álbum de gravuras, Bebop Jazz, com temática cheia de cores e sutilezas – traços marcantes na obra do autor. Como não haverá lançamento presencial, em função das restrições da pandemia, a obra pode ser adquirida por meio do telefone / whatsapp (27) 99775 2204.

Prefaciado pelo jornalista Marcelo Martins, o álbum tem renda revertida em favor da Associação Capixaba Contra o Câncer Infantil (Acacci). Amigo há 30 anos de Solé, Marcelo destaca que o artista já realizou mais de 100 exposições no Brasil e no exterior, com mais de 20 mil gravuras.

Nascido em Santa Vitória do Palmar (RS), Jorge Solé reside há 30 anos no Espírito Santo e não esconde a sua paixão pelas terras capixabas. Ele escolheu Manguinhos, na Serra, para se estabelecer, montar o atelier e mostrar o seu vasto acervo.

Pintor, ilustrador, mosaicista, xilógrafo e artista plástico, Solé busca inspiração em livros: “Normalmente, na literatura. Como sou um leitor voraz, me inspiro lendo” revela. “Tenho uma biblioteca muito grande e vou pinçando palavras, cores e formando o que irei passar para a tela depois”, explica.

Essa relação estreita do artista gaúcho com a literatura também é percebida pelo apelido dado a ele pelo escritor Carlos Nejar, membro da Academia Brasileira de Letras: “O poeta das cores”. Ambos foram responsáveis, em 1991, pelo primeiro livro feito em papel reciclado no Brasil. Solé é o autor do projeto e ilustrações do livro Meus estimados vivos, de Carlos Nejar.

Para a professora Helaine Barroso dos Reis, é uma honra saber que Solé escolheu o solo capixaba para viver e externar seu talento ímpar.  Ela registra que o artista já ilustrou álbum de gravuras, livros, cartazes e convites para Ledo Ivo e Carlos Nejar, Olga Savary e Gilberto Mendonça Telles.

Helaine acrescenta: “O trabalho de Solé também pode ser apreciado em obras de Adilson Vilaça, Oscar Niemeyer, Fernando Henrique Cardoso, Leonardo Boff, Marcos Acioly e diversas instituições, dentre as quais, Unesco, Banco Central do Brasil, OAB-ES, CNBB, Ufes e Congresso Nacional”.

O álbum tem temática cheia de cores e sutilezas – traços marcantes na obra do autor

 

Nascido em Santa Vitória do Palmar (RS), Jorge Solé reside há 30 anos no Espírito Santo

Fundado em 29/11/1990, o Terral possui circulação impressa e estende sua atuação para o ambiente online. Acompanhe-nos por meio das redes sociais e compartilhe as matérias.
EXPEDIENTE

Diretor
Daniel Porto

Jornalista Responsável
Daniel Porto - MTE Nº 3.802/ES

Assessoria Jurídica
Dra. Alciene Maria Rosa

Edição do Impresso
D. Porto Editora - ME

Desenvolvimento
Saulo Porto

Gestor de Conteúdo
Iorran M. Porto - MTE Nº 4.149/ES

CONTATO

Rua João Calmon, 880 Centro, Linhares - ES


(27) 3151 6247 / 99857 9813 contato@jornalterral.com.br



© 2019. Todos os direitos reservados.