Sexta-Feira, 19 de agosto de 2022

Samuel Batista vestiu a camisa de clubes no Brasil e em Portugal

Publicado em 28/01/2022. http://jornalterral.com.br/t-NMD

Arquivo TERRAL

Depois de defender vários times como jogador, Samuel Batista passou a trabalhar em escolinhas e como treinador de futebol

Quem acompanha futebol há muitos anos viu jogar ou ouviu falar muito do meio-campista Samuel Batista Cruz Filho. Habilidoso, ele vestiu a camisa de vários clubes no Brasil e de três times em Portugal. Após encerrar a carreira, passou a trabalhar em escolinhas e como treinador.

Samuel nasceu em 23 de dezembro de 1959 na localidade de Japira, interior de Linhares. Iniciou a carreira em 1975, nos juniores do América, e no ano seguinte disputou o campeonato estadual com a camisa do rival Industrial. As informações estão na página que a Torcida Ibiraçu Esporte Clube mantém no Facebook e serviram de fonte para esta matéria.

Samuel se transferiu em 1977 para a Desportiva, ficando por duas temporadas. Em 1979 seguiu para o Fluminense (RJ), mas a Desportiva não liberou a sua documentação. Em 1980 e em 1982 disputou o campeonato estadual pelo América de Linhares.

Em 1981 jogou pela Desportiva, sagrando-se campeão capixaba. No mesmo ano fez parte do elenco grená que  excursionou pela Europa. Em 1983 fez ótimo campeonato pelo Ibiraçu e em 1984, 85 e 88 vestiu a camisa do Vitória, onde teve boa identificação.

Em 1986 teve passagem destacada pelo Democrata de Governador Valadares, disputando o campeonato mineiro da primeira divisão. No início de 1987 estava no Itabuna (BA), mas optou por retornar ao Ibiraçu, onde formou, junto com Dario e Marcos Nunes, um ótimo meio-campo.

O time tinha a ambição de conquistar o título e se classificou para o quadrangular final, ficando na quarta colocação. No segundo semestre de 1987 vestiu a camisa do Estrela de Cachoeiro, onde disputou o módulo amarelo do campeonato brasileiro.

No início de 1988, quando o Ibiraçu foi campeão, Samuel passou por uma cirurgia e ficou um tempo sem jogar. Quando já estava se recuperando,  recebeu uma proposta para jogar em Portugal. Um empresário o levou para a Europa e ele então passou por um intenso período de adaptação. O frio, o estilo de jogo e os campos de futebol foram seus maiores desafios.

Em Portugal, vestiu a camisa do Atlético Macedo de Cavaleiros em 1989, 1993 e 1994, do Marialvas em 1990, 91 e 92 e da Associação Desportiva Ala-Arriba, da cidade de Mira, no fim de 1993.

Em 1994 havia retornado ao Atlético Macedo de Cavaleiros, porém, em 13 de outubro daquele ano recebeu a trágica notícia do falecimento de seu pai, Samuel Batista Cruz, em decorrência de problemas cardíacos. Abalado, regressou ao Brasil. Em 1995 chegou a atuar pelo Vitória, encerrando a carreira em seguida.

A partir daí Samuel começou a trabalhar em escolinhas de futebol. Fez curso de treinador, atuou na base da Desportiva de 2002 a 2004 e depois na base do Vilavelhense. Foi treinador do Linhares na Copa Espirito Santo em 2006 e do GEL em 2007, subindo o time para a primeira divisão.

Continua trabalhando em escolinhas e exercendo a função de treinador.

Torcida Ibiraçu Esporte Clube

Samuel em 1987, no Ibiraçu, com o filho Claus

Fundado em 29/11/1990, o Terral possui circulação impressa e estende sua atuação para o ambiente online. Acompanhe-nos por meio das redes sociais e compartilhe as matérias.
EXPEDIENTE

Diretor
Daniel Porto

Jornalista Responsável
Daniel Porto - MTE Nº 3.802/ES

Assessoria Jurídica
Dra. Alciene Maria Rosa

Edição do Impresso
D. Porto Editora - ME

Desenvolvimento
Saulo Porto

Gestor de Conteúdo
Iorran M. Porto - MTE Nº 4.149/ES

CONTATO

Rua João Calmon, 880 Centro, Linhares - ES


(27) 3151 6247 / 99857 9813 contato@jornalterral.com.br



© 2019. Todos os direitos reservados.